Simchat Torah é um componente do feriado bíblico judaico de Shemini Atzeret ("Oitavo Dia da Assembléia"), que se segue imediatamente após o festival de Sucot no mês de Tishrei (no calendário gregoriano, ocorre em meados de Setembro a início de Outubro).


    O Livro dos Números menciona Shemini Atzeret: “No oitavo dia tereis dia de solenidade; nenhum trabalho servil fareis" (Números 29:35). 

O “oitavo dia” (shemini), conceito que sugere que o feriado seja a partir de Sucot. Final do feriado. No entanto, não faz parte do Sucot, embora os dois feriados tenham um foco na agricultura e 'Shemini Atzeret'.


    Não há nenhuma outra explicação, sobre este dia, sabe-se apenas que é uma reunião solene.


    Há também a questão da proximidade do feriado a Simchat Torá. Em Israel, Simchat Torá e Shemini Atzeret são celebrados no mesmo dia, logo após Sucot. 


    Assim, o foco de Simchat Torah são os Cinco Livros de Moisés – o término de sua leitura. Os fiéis lêem a última porção da Torah e então iniciam mais uma vez, um novo ciclo de leitura.


    Em outros lugares, Simchat Torá é comemorado no dia seguinte a Shemini Atzeret, isto é, dois dias depois de Sucot. 


    Diante do Muro Ocidental em Jerusalém, é também erguida a Torá para que todos a possam ver e alegrar-se com a sua presença no meio do povo de D-us, Salmo 119.97 e 98; 105.


    "Simchat Torah" é assim uma festa de muita alegria e gratidão a D-us entre os judeus pela dádiva da Sua Palavra!


"Lâmpada para os meus pés é Tua palavra, e luz para o meu caminho."  Salmo 119.105